Roberto Chade. Foto: Mauro Woiski / Divulgação

O programa CEO por um dia chega à semifinal do processo de seleção com a escolha de 30 estudantes (lista ao lado) que serão entrevistados pela equipe da empresa Odgers Berndtson. É desse grupo que sairão os 21 universitários que serão sombra do dirigente de uma grande empresa durante um dia, ao longo do mês de setembro.
O CEO por um dia é um programa realizado pela empresa de recrutamento e seleção de executivos Odgers Berndtson com apoio do Estado, PDA International, Machado Meyer Advogados e Centro de Carreiras da FGV Eaesp.
Ao todo, 21 presidentes de empresas aderiram ao programa e cada um deles irá compartilhar um dia da sua rotina com um dos finalistas. Entre os executivos que receberão um jovem está Roberto Chade (foto), fundador e principal executivo da empresa de programas de fidelidade Dotz.
“A possibilidade de poder passar minha experiência para um jovem, para ele ter uma visão bem prática de como é a vida real de uma empresa e do CEO, no meu caso também sou o empreendedor, me encantou desde o começo”, diz Chade, ao se referir aos motivos que o levaram u a participar do programa.
Para ele, essa experiência é uma forma de ajudar na formação dos jovens. “Vai potencializar o aprendizado dele, mesmo sendo apenas um dia. Nosso dia é tão intenso, que vai dar para ele ver bastante coisa.” O empresário diz que sua ideia é que o dia seja “o mais normal possível”, mas vai concentrar o maior volume de atividades nessa dia, para que o estudante possa ter boa visão das necessidades que um CEO enfrenta.
“São muitas decisões ocorrendo ao mesmo tempo, são decisões rápidas. Então, a ideia é ter uma agenda normal, mas bastante dinâmica”, diz. “Haverá reuniões internas com equipes e com a liderança, enfim, nada diferente do que eu faço, mas vou tentar concentrar o maior volume possível de temas diferentes, para que essa pessoa possa ter uma boa visão (do seu trabalho e da empresa).”
A principal característica que Chade considera mais importante em jovem talento é uma “determinação muito grande”. Ele também considera importante o contato com os jovens, A Dotz tem 300 colaboradores, sendo que 85% têm de 25 a 35 anos.
A empresa cria programa de fidelidade e atualmente possui mais de 300 parceiros e 8,2 mil estabelecimentos distribuindo Dotz, realizando uma média de 10 mil trocas diárias.
A companhia informa ser responsável por R$ 70 bilhões em vendas incentivadas nos últimos dois anos, entre 23 milhões de clientes nas 690 cidades em está presente. /C.M.

QUEM SÃO OS 30

Alberto Joseph Battat
Alex Brunckhorst
Ana Carolina Garcia Grandesso
Ana Luiza F C Kato
Ana Paula Perrone Kasznar
Bianca Nassif Machado Costa
Caio H. Cassarotti de Carvalho
Catarina Casagrande Barbosa
Dan Godoy Laranjeira
Filipe Leite Silva Ribeiro
Giovani Novelli Pereira
Gisela do Prado Valles de Mattos
Isabella Ulson Resky
Jonas de Barros Carvalho
Julia Figueiredo Pinto
Lucas Dantas Soeiro
Lucas de Andrade e Santos
Luiza Reis Carvalho
Maria Fragoas Fernandes
Maria Luiza M. Kovashikawa
Paulo Guidugli Pires
Pedro Henrique Silva Augusto
Rafael Franco Pinheiro Lima
Rafaela Fiorin de Carvalho
Renan Antunes Gama
Ricardo A. Monegaglia Neto
Sabrina Hanay Kaibara
Sven Rudolf Harsch Friederichs
Thiago Teixeira de Castro Piovan
William C. Cavalcante Souza

Comentários