Começa hoje a corrida de jovens estudantes interessados em ter uma experiência única, que nem mesmo os programas de trainee são capazes de garantir: ser a sombra do principal executivo de uma grande empresa.
Com mais de uma década de história em 14 países, o programa CEO Por 1 Dia está em sua terceira edição no Brasil e vai selecionar 23 jovens estudantes para, entre outras atividades, passar o dia ao lado do CEO de uma das companhias participantes (veja relação nesta página).
Segundo Luiz Wever, presidente da Odgers Berndtson, consultoria responsável pelo programa, ter o selo CEO por 1 Dia no currículo já é um diferencial importante para os participantes. “E é por isso que a procura tem aumentado.” A média, segundo ele, é de 750 inscritos por edição.
No Brasil, o CEO por 1 Dia é realizado em parceria com o Estado, PDA Internacional, Machado Meyer Advogados e Centro de Carreiras da FGV.
“O jornal tem uma longa tradição e compromisso com a boa cobertura das áreas de RH e carreiras, levando informações e serviços aos profissionais do setor e as pessoas em busca de orientação e inserção no mercado de trabalho”, afirma o diretor executivo comercial do Estado, Flávio Pestana.
“Desde o lançamento do projeto, entendemos que esta ação estava alinhada a nossa atuação neste setor e decidimos apoiar”, avalia Pestana.
“Quando conheci o projeto, me identifiquei rapidamente, porque eu mesmo comecei muito jovem na empresa”, afirma Rodrigo Galvão, CEO da Oracle, uma das companhias participantes. Galvão começou com 20 anos de idade na Oracle, como estagiário, e há um ano assumiu o comando da empresa.
Wever lembra que estudantes de todo o Brasil podem participar e que não há distinção de área de graduação.
A única restrição é que o curso seja reconhecido pelo MEC e que o estudante esteja no penúltimo ou último ano ou semestre.